• Olá, seja bem-vindo(a) ao portal digital do Conjunto Nacional.

Segurança Cidadã

A segurança de todos depende da colaboração de cada um

Programa Segurança Cidadã

Em caso de situação de emergência, acione imediatamente a nossa segurança:
(11) 3179-0190segur@ccn.com.br

A equipe de segurança do Conjunto Nacional tem a missão de garantir a total tranquilidade e conforto dos usuários, sem restringir a liberdade e a mobilidade.

O edifício possui monitoramento 24 horas e uma equipe com bombeiros e seguranças, periodicamente atualizados por meio de cursos. Para monitorar o que acontece nas galerias e demais áreas, o prédio tem câmeras distribuídas em pontos estratégicos. Os equipamentos são operados por profissionais especializados e as imagens gravadas pelo circuito interno têm acesso restrito.

Semanalmente, um grupo formado por profissionais de diferentes áreas do edifício, se reúne com o intuito de discutir sobre a complexidade da atuação da Segurança no que concerne ao desenvolvimento de um programa de Segurança Cidadã, inspirado na bem-sucedida experiência empreendida pela sociedade civil de Bogotá.


Equipe de Bombeiros: pronto atendimento para emergências médicas

O Conjunto Nacional conta com uma equipe de bombeiros, altamente capacitados, que realiza o atendimento médico de urgência. Na lista de formação estão itens como resgate vertical, técnicas de emergência médica, técnicas de combate a incêndio, atendimento pré-hospitalar, entre outras especializações.


DEA – Desfibrilador Externo Automático

A forma mais comum de parada cardíaca é por fibrilação ventricular. Quando se utiliza Desfibrilador Externo Automático (DEA) nos primeiros minutos, revertendo o quadro com choque elétrico, a sobrevida chega a 85%. Segundo especialistas, sem o atendimento rápido, a vítima perde 10% das chances de sobreviver por minuto. Diante dessa realidade, o governo sancionou a lei que obriga locais públicos e organizações com mais de 1.500 pessoas a manter um DEA e 30% de seus funcionários treinados.

O Conjunto Nacional possui uma equipe devidamente qualificada para dar assistência nestes casos e capacitada para utilizar o aparelho, que está em um local de fácil utilização. Estes funcionários, identificados com um botton, realizaram o curso “Salva Corações”, promovido pela SBC/Funcor, que inclui treinamento prático com o uso de bonecos especiais para fazer respiração boca a boca, massagem cardíaca e choque com DEA.


A segurança de todos depende da colaboração de cada um:

  • Em situação de emergência, mantenha a calma e a tranquilidade.
  • Evite a divulgação de boatos, informações desencontradas e atitudes paralelas ou isoladas.
  • A central de segurança está diretamente ligada aos órgãos públicos competentes.
  • Os ramais têm identificador de chamadas. Evite alarme falso.
  • Nos andares dos Horsas, ao lado dos elevadores, há um telefone interno que chama automaticamente a segurança.

WordPress Lightbox